"Cheguei hoje, de repente, a uma sensação absurda e justa.
Reparei, num relâmpago íntimo, que não sou ninguém.
Ninguém, absolutamente ninguém."

Livro do desassossego, Bernardo Soares (via empessoa)

(via agnes-nebula)

Mummy…there’s an airplane up in the sky!

+ Ver mais posts